Vela AcesaO Iluminismo foi um movimento cultural, filosófico, político e social que colocava a razão como a melhor forma para conquistar emancipação, liberdade e autonomia. Esses ideais e seus pensadores se concentravam na capital francesa. Esse movimento era contrário ao absolutismo presente em toda a Europa.

Eles apoiavam a liberdade religiosa e a educação para todos. Foram responsáveis pela criação das enciclopédias, um livro contendo todo tipo de conhecimento existente.

Num processo em que a maioria da população buscava forças para se virar contra a forma de governo, o Iluminismo veio como uma luz na mente dos revolucionários.

Pensadores Iluministas

John Locke (1632-1704): para John o homem, com o passar do tempo, adquiria conhecimento por meio do empirismo.

Montesquieu (1689-1755): o poder deve ser divido em: Legislativo, Executivo e Judiciário.

Voltaire (1694-1778): acreditava na liberdade de pensamento e era bastante crítico quando se tratava de intolerância religiosa.

Jean-Jacques Rousseau (1712-1778): o estado democrático deve garantir igualdade a todos.

Écrasez l'Infâme (Esmagai a infame): Referia-se a Igreja Católica que era chamada de infame e escreveu a “Cartas Inglesas”.

Diderot (1713-1784): Criou uma enciclopédia com os pensamentos e conhecimentos da época.

Como o Iluminismo questionava e criticava o regime absolutista na qual a França vivia, foi usado como inspiração para lutar por novas formas de governo, economia e sociedade. A monarquia era tida como impedimento para o desenvolvimento do comércio e da burguesia.

Fases do Iluminismo

Os iluministas acreditavam que o crescimento crítico era importante para melhorar a educação e a situação social de uma sociedade. No início do século XVIII, essa linha de pensamento tinha muita influência das questões da razão e natureza. Na primeira fase houve a busca na compreensão dos fenômenos físicos. Na metade do século 18, os pensadores se afastaram desses ideais e começaram a se basear em teorias sociais.

Iluminismo no Brasil 

As teorias iluministas chegaram no Brasil no século XVIII e foram trazidas ao país através dos filhos abastados que iam estudar nas universidades europeias. Eles voltavam com os pensamentos que eram disseminados nesses países. O exemplo mais importante da influência do movimento em nosso país, foi a Inconfidência Mineira ocorrida em 1789. Eles exigiam a independência do Brasil, a instauração da República, liberdade econômica, religiosa e de pensamento.